(11) .
    • 04 AGO 10
    • 0
    Amigos excêntricos. A escolha do animalzinho de estimação nem sempre segue o trivial. (Guia da Semana)

    A escolha do animalzinho de estimação nem sempre segue o trivial. Antes de optar, saiba quais os mais indicados para o seu pequeno


    Nem sempre o melhor amigo do homem é o cão. Quando o assunto é bichinho de estimação, sempre vem à mente diferentes espécies caninas, de gatos ou, quando muito, a imagem de um singelo peixinho.

    Alguns pet shops têm se especializado em um nicho que foge do convencional. porquinho- da- índia, hamster, coelho e iguana são alguns exemplos exóticos para quem deseja proporcionar à criança a possibilidade de uma experiência diferente, sem deixar de lado as responsabilidades de senso comum para manter a boa saúde do animalzinho.

    “Alguns têm a índole mais dócil do que outros. É importante buscar muitas informações sobre eles antes de adquiri-los.”, explica Roberto Fecchio, veterinário do Hospital Veterinário Sena Madureira.

    Segundo ele, os mais indicados para apartamentos são coelhos, porquinho-da-índia e chinchila, pois necessitam de pouco espaço, além de serem de fácil manuseio. Demais espécies precisam de cuidados especiais, como controle da temperatura e umidade do ambiente.

    Conheça algumas destas figuras:

    Furão

    Indicado para crianças acima dos 8 anos de idade, eles são ágeis e requerem uma dose extra de fôlego. É importante a presença e orientação prévia dos pais, pois os pequenos tendem a tratá-los como brinquedos e, ao abraçá-los com força, acabam sufocando o animal. Em situações extremas, pode gerar pânico, podendo originar mordidas e arranhões.

    Porquinho- da- Índia

    Animal rústico e muito resistente, adapta-se bem sob diversas condições climáticas. É importante reservar um espaço onde ele possa brincar e manter a sua higiene. A dica é disponibilizar uma casinha para que possa se resguardar do frio. Mantenha-o bem longe da exposição de eventuais predadores, como gatos, cães e ratos.

    Chinchila

    Uma mistura de coelho com esquilo, é vegetariana e possui hábitos noturnos. Têm um sistema digestivo bastante sensível, devido a sua dieta equilibrada composta por ração própria para chinchilas. O seu pelo denso evita a proliferação de pragas indesejáveis, como as pulgas. Na hora do banho, dispense a água e opte por uma areia especial, encontrada em pet shops.

    Tartaruga

    Conhecidos pela sua vagarosidade, são fáceis de cuidar e um dos bichinhos mais queridos pela garotada. Possuem hábitos diurnos e passam o tempo em busca de alimentos, principalmente os de cores vermelhas e amarelas. Resistentes, espertos, dóceis, calmos e mansos, gostam de ser afagados. Os alimentos devem ser dados em tamanhos não muito grandes e de preferência diversificados a cada semana.

    Coelho

    Animal peludo, com longas orelhas e rabinho fofo, tem comportamento dócil. Hoje em dia, os pet shops têm coelhos domesticados, prontos para serem criados como animais de estimação. A maior parte deles come e mostra-se ativa do anoitecer ao amanhecer. Na primavera e no verão, seu alimento são folhas verdes incluindo trevos, capins e outras ervas.

    Atenção: “É importante buscar animais de boa procedência em criadores com credibilidade no mercado, avaliar a legalidade da documentação, a sua condição de saúde e procurar depoimentos de pessoas ou colegas que já tenham adquirido um bicho da mesma espécie”, alerta o veterinário.

    Deixe um comentário →