(11) .
    • 19 JAN 10
    • 0
    O que fazer para resolver o mau hálito do bicho ( R7 – Rede Record )

    Problemas dentais causam bafo e aumentam o risco de doenças graves


    Tem dono que quando vê o bicho se aproximando, torce para ele não abrir a boca. O mau hálito é tanto que a pessoa até fica envergonhada diante de alguma visita. Seu bicho de estimação também tem esse problema?

    O médico veterinário Mário Marcondes, do Hospital Veterinário Sena Madureira, afirma que é normal o animal ter bafo. O mau hálito é decorrente principalmente da placa bacteriana que se acumula sobre os dentes. A placa é composta por proteínas, células mortas, saliva, restos de alimentos e principalmente bactérias, que sofrem fermentação e produzem substâncias que são responsáveis por um terrível mau cheiro.

    - A saúde bucal está relacionada com a saúde geral dos animais. Assim, um bicho que tem problemas bucais também tem grandes chances de ter a saúde geral comprometida, o que significa menos anos de vida. Por isso é extremamente necessário cuidar dos dentes dos pets.

    Além disso, essas substâncias agridem o periodonto (estruturas responsáveis por proteção e sustentação dos dentes) e causam a doença periodontal.

    Se seu bicho tem algum problema bucal avançado, veja algumas soluções sugeridas pelo veterinário:

    Implante Dentário

    Implantes dentários são raízes artificiais que substituem um ou mais dentes perdidos. Depois, é fixada uma prótese para obter uma aparência natural. O processo é feito por cirurgia. A instalação dos implantes dentários deve ocorrer o mais rápido possível após a perda do dente para evitar que o processo de atrofia óssea ocorra nas regiões desdentadas.

    Tratamento periodontal e limpeza de tártaro

    A doença periodontal inflama a gengiva, causa dor, vermelhidão, inchaço e sangramento. Posteriormente, o bicho pode sofrer a perda do dente. Além disso, há a possibilidade das bactérias entrarem na corrente sanguínea, causando danos irreversíveis em órgãos vitais, como coração, fígado e rins. No tratamento periodontal e na limpeza de tártaro, o animal recebe anestesia geral e o veterinário realiza uma radiografia para analisar o grau do problema. O tártaro é retirado por meio de raspagem.

    Como evitar os problemas bucais nos bichos:

    - Escove os dentes dos pets diariamente, com pasta e escova própria para animais. Em cães de grande porte, fica mais difícil escovar. Por isso, existem produtos à base de xilitol que podem ser adicionados à água do bicho para evitar problemas.

    - Evite dar comidas de gente para os pets. Animais que se alimentam somente com ração possuem menor acúmulo de tártaro. Já bichos que comem alimentos para humanos têm mais chances de desenvolver problemas dentários.

    - Opte por dar brinquedos macios. Assim, quando o bicho for mastigá-lo, ele estimula a produção da saliva e isso ajuda a limpar os dentes.

    Deixe um comentário →